Conheça as três principais áreas de aplicação da toxina botulínica




Com o passar do tempo, é totalmente natural que a nossa pele sofra com a perda de elasticidade devido à queda da produção das fibras de colágeno e da elastina no nosso organismo. Por isso que cada vez mais homens e mulheres buscam a aplicação da chamada toxina botulínica, uma das soluções mais populares para tratar os sinais de envelhecimento.


Essa técnica age bloqueando a ação da substância acetilcolina, responsável pela contração dos músculos faciais, relaxando a musculatura e trazendo uma série de benefícios, sobretudo ao ser feita duas vezes ao ano.


Além disso, diferente do que muitos possam pensar, esse procedimento pode ser recorrido não só para amenizar as rugas e as linhas de expressão, como para tratar outras questões, dependendo da área onde ele é utilizado. Conheça, a seguir, as principais e suas finalidades:


Toxina botulínica no terço superior


Nesta região, é possível tratar os vincos horizontais na testa que podem surgir em pessoas de qualquer idade, atenuando ou mesmo eliminando essas rugas sem prejuízo da dinâmica da face. Além disso, é uma excelente solução para resolver os famosos pés de galinha, que aparecem ao redor dos olhos e se atenuam ou desaparecem quando acontece a interrupção da contração.


Toxina botulínica no pescoço


Como a pele do pescoço é fina e delicada, os sinais de envelhecimento, como flacidez e marcas de expressão, podem surgir com mais facilidade, até antes do que no rosto (algo potencializado pelo fato de que muitas pessoas se esquecem dessa região na hora dos cuidados diários com a pele). Por isso, nessa área, a técnica é usada não só para amenizar esses sinais, como prevenir o aparecimento de outros.


Toxina botulínica no terço inferior


A toxina botulínica pode ser utilizada para tratamento do bruxismo, quadro que é caracterizado pelo hábito de ranger e apertar os dentes. Nesse caso, a substância é aplicada nos músculos da mastigação, relaxando e reduzindo a força da contração, atuando na proteção dos dentes e evitando fraturas dentárias. Também é muito eficiente no tratamento do chamado sorriso gengival.


Toxina botulínica para tratar hiperhidrose


Por fim, é interessante saber que esse procedimento é bastante eficiente para resolver a chamada hiperhidrose, uma condição em que ocorre um aumento da atividade das glândulas sudoríparas, gerando um suor excessivo em algumas regiões. Apesar de não ser uma doença grave, pode gerar situações bastante desconfortáveis para quem sofre com ela.


Assim, é possível aplicar a toxina botulínica na área em que esse quadro é mais aparente (principalmente nas axilas, cabeça ou mãos), sendo que o efeito aparece em cerca de uma a duas semanas e na maioria dos casos apresenta excelentes resultados, com diminuição substancial do suor.


Agende uma consulta personalizada para o seu caso

Neste artigo, você conheceu as três regiões mais populares onde a toxina botulínica pode ser aplicada. Contudo, vale ressaltar que as indicações de tratamento devem ser feitas de forma personalizada, de acordo com as características da sua pele.


Entre em contato com a equipe da Casa Giove por meio do nosso WhatsApp e saiba mais: (19) 3255-0255.